quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Bem simples


BEM SIMPLES
(Anne Lieri)


Bem simples pode ser o ar

Que é vital sem se mostrar.

As nuvens, o céu azul,

Chuva que vem lá do sul.

As claras ondas do mar,

O jeito do sol chegar,

Opinião de criança,

Aquela menina de trança.

Rios que correm em mansidão,

A natureza animal,

Músico e sua canção,

Abraço que não faz mal!

Pé de amora no quintal,

Canteiros de amor e flor,

Sorriso sem intenção,

Jogar fora toda dor.

Amar até sufocar,

Tocar aquela viola,

Subir no galho bem alto,

Colher frutos, ir embora...

Chegar à beira do cais,

Voar sem deixar sinais,

No inverno se aquecer,

No verão, se refrescar!

Bem simples são os momentos

Mais puros de nossa vida.

Dos filhos, o nascimento

E da morte, a despedida!


10 comentários:

✿ chica disse...

Linda toda essa leveza e simplicidade que fazem bem! beijos,ótimo dia!chica

Ana Miranda disse...

Mais simples ainda e ler esse poema e ficar feliz!!!!

Luzia Medeiros disse...

A tua escrita é tão perfeita!

A simplicidade das coisas é as cores da vida.

Beijos.

D. Garcia disse...

São tão simples os momentos que a gente se esquece de como é bom a singeleza do viver. Adorei o poema e a leveza com que nos recoloca em equilíbrio com a natureza essencial.
Abraços fraternos.

SONINHA disse...

Olá,Anne!
Coisas simples da vida,mas muito importantes,vital!!
Beijos da sua amiga que te gosta muiiiito.
Soninha.

Calu disse...

Lindeza listada,
descrição poética,
tuas imagens tocadas;
simplicidade do ser,
do sentir, do viver...
enlaçadas nos versos
que tudo confirmam
no grande dizer:
Bem simples!

Aaaaamei, Anne!
Bjkas,
Calu

Marineide Dan disse...

Que deliciosa cadencia!
Viajei gostoso nessas rimas...

Beijão

Vida & Plenitude disse...

As coisas simples são tão boas e nos fazem tanto bem... Amo-as!

Gosto de versos assim, leves e que falam da verdadeira liberdade...

Beijos...

Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

Anne, como eu te admiro!
Que guria talentosa! Minha ídolaaaaaaa!
Beijinhos!

ELAINE disse...

Anne querida! Os pequenos instantes podem ser os grandes momentos da vida! Na simplicidade estão as nossas respostas! Aquela imagem linda das amoras, me fez lembrar a geléia de amoras "deliciosa" que minha mão fazia em minha infância! Adorei o post! Um abençoado e feliz fim de semana!
Abraço fraterno e carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...