terça-feira, 9 de outubro de 2012

Amor fraterno


AMOR FRATERNO
(Anne Lieri)



Ao contrário do que se pensa o homem não nasce sabendo amar.

O amor precisa ser aprendido.

A nossa tendência natural é para o egoísmo.

Pensamos primeiro em satisfazer nossos desejos.

Não que isso seja errado, mas em demasia torna a pessoa embrutecida e individualista.

Pratiquemos o amor fraterno e desinteressado.

Fiz um curso de Evangelização na Federação Espírita, onde o orientador nos disse o seguinte: “Comece a tomar a atitude da gentileza. Mesmo sem vontade, preste atenção aos que estão necessitados ao seu redor e ajude como puder. Aos pouquinhos, a obrigação se transformará no prazer de fazer o bem sem desejar nada em troca. É nesse momento que você está começando a aprender a amar.”

Acredito que só somos realmente felizes quando atingimos esse estágio do amor.

14 comentários:

Severa Cabral(escritora) disse...

Bom dia minha querida!!!!!
O amor fraterno é um sentimento de carinho muito forte, de dedicação, de interesse pela figura do outro, gerando sentimentos positivos e construtivos...
Sei que tenho esse amor por vc ...
bjssssssssssssss

D. Garcia disse...

Felicidade não se divide. Felicidade contagia. Um sorriso sincero faz outros sorrirem juntos. E o amor é de fato um aprendizado. Nosso empenho é para vencer os desejos egoístas e compartilhar nossos momentos para que o céu azul seja acolhedor para todos.
Gostei muito desse teu post. Lindo! O aprendizado está por toda parte, num singelo texto como o teu, encontro profundas lições de amor. Parabéns!
Daniel.
http://dagarpower.blogspot.com

Arnoldo Pimentel disse...

Linda sua mensagem, uma verdadeira lição.Parabéns.

Ana Miranda disse...

Anne,

Dentro das minhas convicções ateístas, eu também acho o amor a coisa mais importante.

Todo tipo de amor!!!

E acho que não se pode ser plenamente feliz se as pessoas próximas a nós também não estiverem.

Então, eu sou uma pessoa muito solidária, e o sou por puro egoísmo, pois não consigo ficar bem vendo o sofrimento alheio...

Parbéns pelo belíssimo texto!!!

Amar se aprende amando.

Mari Rehermann disse...

Anne, tens toda a razão! Também sou espírita, sou médium, e acredito que o verdadeiro amor, é o amor fraternal, aquele universal, por todos os seres...e quando aprendermos a amar de verdade, sem apego, sem querer nada em troca, simplesmente pelo prazer de amar e servir, seremos verdaderiramente felizes!!

Beijinhos!!♥

Fernanda Oliveira disse...

É verdade querida Anne, concordo com suas palavras. O amor nos faz enxergar tudo diferente, até o ruim, se torna bom aos olhos de quem ama. Beijokas! Fernanda Oliveira

Valéria disse...

Oi Anne!
É verdade!
No primeiro momento também a empatia é fundamental, nos ensina e motiva na busca pelo outro.
Beijinhos e uma linda semana!

Renata Diniz disse...

Anne! Parece que o segredo está aí, nisso também a rotina se faz importante. Gostei. Beijos!

Everson Russo disse...

O amor se aprende e vai se moldando com a alma,,,como um jardim que precisa ser regado pra florir,,,,beijos e uma bela noite pra ti...

Luzia Medeiros disse...

Tenham um dia abençoado!

Luzia Medeiros disse...

Linda imagem! A natureza nos transmite tanta doçura, tanta emoção.
Lindo!

Beijos.

Arlete disse...

Olá Anne! Amei o poema e gostei muito do poema "Alegria de Criança" que vi no blog Meu Pequeno Príncipe .Bjos

Suelen Muniz disse...

Oi Anne,
Acho que amor realmente se aprende,vai se adquirindo com a convivência,os gestos,as palavras,não é algo que acontece de repente,vai se construindo.
um ótimo feriado e final de semana,abraço,=)

Sônia Silvino (Crazy about Blogs) disse...

E é preciso querer atingir esse estágio, amiga! Há pessoas que não chegam lá.
Beijo grande!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...