sábado, 10 de dezembro de 2011

Mais um ano se passou






Mais um ano se passou
( Anne Lieri )


Mais um ano se passou
Como naquela linda música!
Pergunto-me como estou
Depois de um ano de zica!


Pra ninguém foi um ano fácil
Ainda mais o brasileiro!
Precisamos de um antiácido
Pra agüentar o bombardeiro!


Na política a roubalheira
Á vontade, deitou e rolou!
Dinheiro na cueca, na meia,
Para o povo pagar, restou!


A tal da crise: marolinha
Foi na verdade, um tufão!
Levaram até nossas calcinhas,
Pra remendar um rombão!


Sem falar de nossa saúde
Que na UTI ficou...
Queremos que tudo mude,
Mas de nada se falou!


Falam sim, de muitas obras!
Estradas, escolas, casas!
São lobos, sinistras cobras,
Todas são obras fantasmas!


Mais um ano que se vai
Com eles nossa esperança,
De um governo que não traia
Nossa ingênua confiança!


O ano velho, coitadinho!
Esconde embaixo do tapete,
A sujeira, rapidinho
Fica pelos gabinetes!







11 comentários:

Edilene disse...

A estrofe mais legal é a da marolinha, muito engraçado! É mais um ano difícil por conta de governantes despreocupados com uma maioria.
Que 2012 seja melhor para todos os braseileiros e não apenas para essa máfia que domina!
Bom final de semana!
beijos!

Valéria disse...

Oi Anne!
rssss
Muito bem articulaado seus versos!
Que triste verdade não? Nem os versos atenuam a realidade cantada, só nos resta mesmo ter esperança sempre de ver o bem triunfar.
Beijinhos e tudo de bom!

Paulo Francisco (Pchico) disse...

Adorei a imagem rs rs
Os versos estão ótimos.
Um beijo grande

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Com coisas boas e más lá passa mais um ano e o seu poema reflete bem isso! Bjs e um excelente fim de semana!

OZNA-OZNA disse...

gracias querida y admirada poetisa por regalarnos la belleza y sutileza de tus versos, besinos miles de esta amiga admiradora que te desea con cariño feliz fin de semana.

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Anne!

Deste lado do Atlântico, assino por baixo tudo o que disse. Só espero que não me tirem a roupa, porque por aqui já chegou o Inverno...

Bonito e levezinho, a falar de coisas sérias.

Beijinhos; bom fim de semana.
Vitor

Tatiana Moreira disse...

É tudo tão complicado... Temos tanta esperança e o noticiário só nos traz desalento...
Sua poesia até mesmo nesses assuntos tão ruins é linda e muita verdadeira!
Um beijo com muito carinho

SONINHA disse...

Amiiiiga!
Mudam-se as moscas, mas a m... continua a mesma (ou pior).
Beijos!

SOL da Esteva disse...

Anne

Aí, como cá em Portugal, esse tipo de situações é-nos comum.
Será por ter-mos a mesma raiz?
Se não é...


Beijos

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.com/

Everson Russo disse...

E a sensação de que fica é o vazio dos sonhos não realizados e a promessa de novos que também não irão se realizar,,,infelizmente é um ciclo assim,,,beijos querida e uma bela semana pra ti.

Tunin disse...

A mais pura verdade, Anne, em tua poesia. Abraços.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...