terça-feira, 11 de outubro de 2011

Namorico de menina





NAMORICO DE MENINA
( Anne Lieri)


Menina logo que cresce
Já começa a namorar!
A mãe começa com a prece,
Pra um bom noivo ela encontrar!


Faz até vestido novo,
Carregadinho de flor!
O moço chega, formoso
Olha a moça com ardor!


E o namorico começa
Mais lento que tartaruga!
Nem na mão o rapaz pega,
O suor até enxuga!


Ela também não ajuda,
Não abre a boca pra nada!
O pior é que não desgruda
Mas fica ali tão calada...


Depois de um mês de aflição,
O coitado do rapaz
Consegue pegar na mão,
Mas ela não satisfaz!


Quer agora aquele beijo
Que já até passou da hora!
Mas o moço, tão sem jeito
Resolve então, cair fora!


Essa é a minha participação na 57ª edição poemas do Projeto Bloinques com o tema: timidez.
Clique no link para participar:

7 comentários:

✿ chica disse...

Lindo,Anne e retrataste bem o que acontece( ou acontecia ...acho que hoje não há mais timidez,rssr)


beijos,chica

Aleatoriamente disse...

Risos...
Anne , então Felipe é um homem muito paciente! Risos...
Comigo as coisas devem ir no seu devido tempo.
Mas um beijinho agora é sem timidez.

Amei querida.
Beijinho amada

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Anne!

Tanta ingenuidade e ternura dum tempo que já lá vai, e um rapaz que logo havia de ser tão atrapalhado; coitada da rapariga...!

Singelo e lindo; parabéns!
Vitor

Tunin disse...

Anne, o poema está hilário. Retrata o tempo de minha avó que só viu o noivo no dia do casamento.Segundo ela a lua de mel foi uma tragédia (risos). Abração.

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Um poema com sentido de humor e uma excelente participação! Bjs

Bixudipé disse...

rsrs...
Muito bacana isso, viu?

Abração,

Rodrigo Davel

Ivana disse...

Muito gracioso e puro seu poema. Um abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...