quinta-feira, 16 de junho de 2011

Os problemas resolvem-se a chapada!




OS PROBLEMAS RESOLVEM-SE A CHAPADA
( Anne Lieri)


Mais uma noite chegou
Eu estava tão cansada!
O travesseiro me agarrou...
Dormi logo, acabada!

De repente ele aparece:
Zunindo na minha orelha!
Um pernilongo: ninguém merece!
E eu naquela canseira!

Espantei o espertalhão
Entre tapas e beijos ficamos,
Mas o danado não trégua,não!
Foi então que nos atracamos!

Comecei minha caçada
Atrás do meu opressor!
Os problemas resolvem-se a chapada!
Falei com meu cobertor!


E foi tapa pra todo lado...
Ele zunindo, eu gritando...
O quarto ficou desarrumado,
Ninguém acabou ganhando!


Depois de trancos e barrancos
Nós dois ficamos cansados!
E como amigos, aos prantos!
Dormimos os dois, lado a lado!


Esta é minha participação de junho na blogagem coletiva da “Fábrica de letras” com o tema: “Os problemas resolvem-se a chapada”.
Clique no link para participar:

9 comentários:

vitorchuvashortstories disse...

Olá,Anne!

Às vezes, nem mesmo à chapada: melga é mesmo criatura chata, não lhe é fácil ganhar...!

Viva o bom humor, em forma de poema!

Beijinhos.
Vitor

✿ chica disse...

Que legal tua participação,Anne! Criatividade legal e adorei a imagem!beijos,chica

Pâmella Ferracini disse...

Anne *-*
Mandou muito bem em, adorei, incrível sua abordagem.
PARABÉNS.!

Beijs Pam (:

Sônia Silvino disse...

Adorei, Anne!
Teu talento com as palavras e a tua sensibilidade me encanta!
Parabéns, amiga querida!
Beijos meus!

LUCONI disse...

Anne você fez eu rir,que delicia, muito bom, adoro textos assim sabe né próxima dos sessenta estou virando criança e quero é mais, amei isto, parabéns beijos Luconi

Everson Russo disse...

Esse ser voador é forte,,,chato,,,e não dá treguas mesmo...rs...beijos de bom final de semana pra ti.

♫*Isa Mar disse...

Muita criatividade você tem amiga, todos os teus versos e participações ficam show, parabéns!
Li todos da página, um melhor que o outro, muito legal
Beijos pra ti!

Ricardo Fabião disse...

Anne,

muito criativa tua forma de abordar o tema. Gostei muito.

Para mim, no entanto, o melhor foi o desfecho, pois quebraste a previsibilidade ao meio.

Pensei que fosses aproveitar o fato de estar lidando com um inseto e justificar (devidamente) a frase-tema da Fábrica. Sua morte seria bem aceita. Mas "mataste" o mocinho e o vilão. E ainda os comparaste a "amigos, "lado a lado"... muito bom!

Abraço.
Ricardo

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
Gosto de participação que lembre o reverso do Tema para priorizar o Bem... Legal não ter "vencedores"!!!
Abraços fraternos de paz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...