sexta-feira, 25 de março de 2011

Nas asas da andorinha


NAS ASAS DA ANDORINHA
( Anne Lieri)


Quisera poder nascer nas asas de uma andorinha
Um vôo livre fazer junto a toda passarada
Recolher a brisa leve de um dia de verão
Sem ter rumo ou tempo certo,sem destino ou estação!
Quisera construir ninho no galho de alguma árvore
E ao chegar o frio intenso em grandes bandos partir
No céu em acrobacias,apenas me divertir!
Acordar em outro mundo de olhares diferentes
Anunciar a primavera,deixar o povo contente!
Quisera planar lentamente sob o verde do mar
Graciosa e pequenina...só o vento a me guiar!
Resistir ás tempestades em teus braços, aninhada...
Renascer num dia quente cheia de amor e saudade!




                                    

23 comentários:

Aleatoriamente disse...

Nasceu com tuas próprias asas, de uma menina voadora cheia de amor.
Que voa na poesia colhendo sementes, e plantando com muito valor.
E cada coração que aqui vem, leva um pouquinho desse carinho.
Um beijo Anne.

Fernanda

chica disse...

Tantos voos lindo essa andorinha nos insdpira a fazer!Linda poesia,Anne!um beijo,tudo de bom,chica

Priscila Rodrigues disse...

Nossa, que legal sua poesia, Flor, eu adorei, me chamou atenção o verso: "Sem ter rumo ou tempo certo,sem destino ou estação".

Eu amo a liberdade, por coincidência dei uma palhinha a respeito no meu blog hoje.. rs.

Criar asas é viver.

Um beijo, querida, tenha um ótimo fds.

Antonio José Rodrigues disse...

Voemos, então, Anne, nas asas da imaginação. Beijos

Edna Lima disse...

Um final de semana com belos voos.
Linda poesia. Bjs Edna.

soniaconslt disse...

Linda poesia Anne.
Um ótimo final de semana

mentoresdeluz.blogspot.com disse...

ANNE QUE ANDORINHA MAIS LINDA QUE VOO DIVINO E SUAVE,DESEJO QUE POSSA VOAR MUITO PELO INFINITO E QUE INFINITA SEJA SUA INSPIRAÇÃO
UM GRANDE ABRAÇO PARABENS PELAS MARAVILHAS QUE ESCREVE DEUS TE ABENÇOE SEMPRE COM CARINHO
MARLENE

Jão disse...

Queria ser como andorinha que voa leve e faceira pelos caminhos da vida.


Beijos querida!

selma disse...

Amiga,tem mimos para você no Chá da tarde no Cantinho de lazer,e no detudoumpouco no presentes oferecidos,ofereço com muito carinho...um final de semana maravilhoso,beijos

Nuvembranca disse...

Ah, que belo passeio por ai ... Linda construção poética! Parabéns Anne. Tenha um lindo final de semana.

Sônia Silvino disse...

No parapeito das janelas do meu apartamento, encontro andorinhas pela manhã. Fazem um barulho! rs Lindas!
Beijos, amada!

Veronica disse...

Recolher a brisa leve de um dia de verão sem ter rumo ou tempo certo,sem destino ou estação!

Muito lindo isso Anne!
Um ótimo sábado. bjs

Helena disse...

Nas asas dos teus versos a gente voa, feito ave ao sopro da estação...
Leveza, beleza, delicadeza de pensamento e palavra...
Sempre uma gostosura ler você, Anne!
Beijãozão!

Ange disse...

Quisera eu ser a própia andorinha!
Quisera eu planar lentamente sob o verde do mar
Graciosa e pequenina...só o vento a me guiar!

Boa noite! Você faz aqui juá ao titulo do seu novo blog!
Meus aplausos! Um lindo fim de semana para você!
Saudades....

Graça Pereira disse...

Ai o poder de ter asas!...Só tu minha querida amiga, neste belo poema primaveril.
Mil beijos e um bom domingo
Graça

Silenciosamente ouvindo... disse...

Era bom que pudéssemos ter asas.
Eu gosto de andorinhas e quando
estamos próximo da Primavera
estou sempre ansiosa que elas
cheguem.
Beijinho e bom domingo.

Magia da Inês disse...

Olá!
Passei para conhecer o seu blog e fiquei encantada com sua poesia.
Que cantinho mais doce e agradável!
Boa semana!
Beijinhos.
♫♫.•*¨*•♫♫¸
ღ°ºMinas♫º
♥º

selma disse...

Amiga,
Estou partcipando com o poema MINHA PÉROLA,no blog Ostra-da-poesia,é a SEXTA poesia,preciso de comentários,se quiserem deixar seu carinho lá ficarei muito grata...
Este é o link:http://ostra-da-poesia.blogspot.com/
Muito obrigada!!!

Bergilde Croce disse...

Anne,há dias que digo aqui mais ou menos assim...Ah se eu pudesse me transformar numa andorinha e voar pra bem longe onde o vento e o calor a minha pele pudessem tocar.
Linda poesia,abraços pra você!

Gilmar Morais disse...

Quisera pudéssemos apenas contemplar, ao balanço dos ventos, os cenários de toda diversidade e magistral beleza por onde as asas passeiam... Quisera!

Pois é, Anne! Adorei o seu espaço! Eu não o conhecia. E gostei, sobremaneira, porque também escolhi Sabino para referendar o meu Caminhar e Ruminar!

Meu carinho a você!

E já estou seguindo-a!

Mariana disse...

Lindo.
eu tb queria voar com a andorinha.

Priscila Rodrigues disse...

Oi, minha linda, td bem?

Postei um Selinho pra vc lá no meu blog, passe por lá.

Um beijo e ótima terça.

Tunin disse...

Sempre gostei de voar.Da janela do apartamento aprecio o voo livre das belas andorinhas que rasantemente beijam o telhado. Lindo texto, Anne! Abração.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...